Fechar
Se preferir, diga oi@talaguim.com
talaguimTalaguim está orgulhosamente
sediada em Berlim, Alemanha.
Pedro Rosa / skype / email
Estefani Reis / skype / email
Sua mensagem está trafegando pelos ares e em cinco minutos vai... ops chegou! Obrigado, responderemos você em breve.
 

African Kids In Need

Ajudamos uma ONG a levar educação e futuro à jovens do Quênia

 
 
Criada em 2007 pelo produtor americano Paul Miller, a AKIN é uma organização sem fins lucrativos que leva educação e cursos profissionalizantes para jovens em comunidades carentes do Quênia. Além de escolas e professores, a organização doa uniformes, transporte e material escolar aos beneficiados. Com uma causa nobre e uma necessidade urgente, a ONG precisava de uma solução para algo além dos códigos e do design: o número baixo de doações pelo site. Por onde começar?
 

Design/Desenvolvimento
Talaguim

Conteúdo
Talaguim, Shadi Shahin-Asl e Paul Miller.

 

Muita pesquisa.

O processo de pesquisa foi a principal ferramenta pra trazer soluções éticas para a organização. Descobrir como ONGs de sucesso conquistaram credibilidade, seus prós e contras e quais são as principais críticas relacionadas ao tema foram algumas das dúvidas esclarecidas durante o processo. A dúvida, por sinal, era a principal responsável por afastar o doador da página. Ué, pra onde vai meu dinheiro? Será que estou realmente ajudando, e em quê?

Partindo deste princípio, identificamos que era necessário favorecer a transparência e histórico do projeto, conectar melhor o usuário à situação das crianças quenianas, criar meios facilitadores para doações e apresentar vídeos com os resultados positivos da organização.

 
 

Nova marca: a busca por credibilidade

Nosso trabalho de rebranding tinha um objetivo simples: reforçar a seriedade e confiança no trabalho sério da organização. Por isso, foi preciso retrabalhar o logo, fontes, cores e fotos. No logo, melhoramos a unidade das esferas, revitalizamos suavemente a paleta de cores, modernizamos a fonte e, para reforçar a pronúncia correta do nome, retiramos os pontos do acrônimo AKIN.

O uso exagerado de bancos de imagem era preocupante. Os materiais tinham uma cara genérica, sem a identidade da família AKIN. Por isso, pedimos que revirassem seus álbuns e fossem atrás de boas fotos dos alunos, dos funcionários, das aulas, dos passeios. Deu tão certo que eliminamos os bancos de imagem e usamos somente fotos originais da AKIN no novo site.

 
 

Aumentando doações

O sistema de doações limitava-se a um ineficiente botão Donate do Paypal. Após analisarmos alguns cases de sucesso, descobrimos dois pontos-chave. Discriminar melhor os custos e gastos da organização, apresentando os benefícios diretos de cada doação, seja de $10 ou de $300, cria um clima de confiança com novos doadores.

O mais importante: grande parte de suas receitas vem de doadores recorrentes. Doadores tendem a ser fieis à causa mês após mês, e limitá-los a uma única doação significa perder.

A partir daí, trabalhamos em conjunto com o fundador da AKIN para desenvolver faixas de doação. Um novo sistema de doações foi desenvolvido, permitindo patrocínios anuais, doações mensais e únicas em uma interface simples e rápida. Para que mantivessem sua organização financeira, o sistema também foi totalmente integrado com a conta Paypal.

 
 

Conectando o usuário à AKIN

Melhorar a apresentação dos resultados positivos também era um ponto crucial. Para isso, criamos duas seções novas para o site: Meet The Students e Media. Na primeira, você conhece a história e o desenvolvimento escolar de algumas das crianças atendidas pelo programa AKIN. Em Media, vídeos gravados por Paul e sua equipe mostram o trabalho dos voluntários e entrevistas com profissionais e famílias beneficiadas.